5 de junho de 2012
Por: Haroldo Lima


A Seção Ifes participa  nesta quarta-feira (6) da 109ª Plena do Sinasefe. Apesar de ter deliberado não aderir momentaneamente ao movimento paredista, o Sindicato leva dois delegados e um observador para acompanhar a mobilização e as análises de conjuntura, além de contribuir na  articulação nacional e regional do movimento. A Plena vai discutir e planejar a participação dos servidores do Sinasefe na greve nacional dos servidores federais da educação.  O evento acontece em Brasília.

O servidor Clério Lucas Guaitolini foi eleito delegado da Seção Ifes na Assembleia Geral Extraordinária realizada ontem (4). A servidora Lúcia Helena Pazzini de Souza foi escolhida como observadora. Em reunião após a assembleia, a direção do Sindicato indicou o coordenador Cézar Laurence para representar a coordenação do Sinasefe, conforme indica o Estatuto do Sindicato Nacional.

Lei a nova edição do Boltim Nacional.

“Estamos indo à Plena para expressar a vontade da base, que é de não fazer a greve neste momento, mas como o movimento paredista não está descartado, o espaço vai ser muito importante para mensurar a articulação dos Sindicatos e trazer novas experiências para o Espírito Santo”, conta o delegado Cézar Laurence

109ª Plena do Sinasefe

Abaixo do Consinasefe, a Plena é a instância de deliberação máxima do Sinasefe. Ela é constituída a partir de demanda apresentada pela direção nacional do Sindicato e composta por delegados eleitos em seções sindicais em dia com suas obrigações estatutárias. Cada seção tem direito de enviar dois delegados eleitos em assembleia ou reunião de diretoria para o evento, um da base e outro da coordenação da Sindicato local. Qualquer servidor da base pode e deve participar como ouvinte.

518 View