30 de agosto de 2012
Por: Haroldo Lima


O Sinasefe orienta às bases a realizarem assembleias para discutir o retorno às atividades assim que a assinatura do acordo dos TAE acontecer. A Plena indicou o data 10/09 para retorno às atividades.

Delegados da 114ª Plena votam pelo fim da greve.

Após intensa análise de conjuntura, a Plenária Nacional do SINASEFE decidiu ontem, 29, construir a saída negociada da greve aprovando a assinatura do Termo de Acordo dos TAE com a inclusão de três pontos que não constam no acordo firmado entre governo e Fasubra. A Plena também indicou a não assinatura do Termo de Acordo dos Docentes por entender que os professores dos Institutos Federais não se sentem representados pelo acordo indigno assinado pelo Proifes, que colocou fim às negociações. O Sinasefe orienta às bases a realizarem assembleias para discutir o retorno às atividades assim que a assinatura do acordo dos TAE acontecer. A Plena indicou a data 10/09 para retorno às atividades.

O Sindicato Nacional vai propor discussões sobre a reposição das aulas na mesa de negociação com o governo, buscando garantir a negociação desses calendários em cada Instituto Federal. Pedimos a todas as bases que se mantenham alertas aguardando as orientações do Comando Nacional de Greve quanto à saída organizada e conjunta da greve. Estamos apenas aguardando um retorno do governo para encaminhar estas orientações.

Os itens incluídos que diferenciam o acordo a ser assinado pelo Sinasefe do assinado pela Fasubra são:

– GT para inclusão dos técnico-administrativos das IFEs Militares no PCCTAE;

– acesso a todos os TAEs ao cargo de Pro Reitor, com modificação da legislação dos Institutos Federais;

– inclusão no GT Democratização das IFEs da candidatura dos TAE aos Cargos de Reitor e Diretor Geral, bem como da inclusão da representação do SINASEFE nos Conselhos Superiores dos Institutos Federais.

Nesta sexta-feira, 31, após o fechamento das negociações com o governo, o Sindicato vai divulgar um boletim com a primeira avaliação da greve.

A LUTA CONTINUA E A UNIDADE COM ANDES-SN E FASUBRA TAMBÉM

Dando sequência às deliberações da última Plena, ontem (29) também foi decidido que o Sinasefe irá propor ao Andes-SN e à Fasubra a criação de um manifesto à sociedade sobre a greve, bem como a elaboração de um documento que aponte para o governo os interesses dos servidores pela retomada da reestruturação da Carreira do Magistério Federal e do PCCTAE.

A 114ª Plena também aprovou propor ao Andes-SN, convidando também à Fasubra, para a realização de uma Plenária Unificada das Entidades para a discussão dos rumos do movimento da Educação Federal para além dessa greve. A Plenária Unificada pode acontecer em 8 e 9/10. A data vai ser confirmada pelas entidades envolvidas.

Ficou claro para os servidores que a categoria não está disposta a abrir mão dessa construção e que, independentemente do fim da greve, a luta pelas nossas bandeiras irá continuar.

Fonte: Sinasefe Nacional.

424 View