17 de setembro de 2018
Por: Comunicação


Evento será a Chácara Flora, no município de Serra

O Sinasefe Seção Ifes realizou na sexta-feira, 14, uma assembleia geral para apresentar, debater e aprovar com a categoria as propostas para a “Festa da Servidora e do Servidor 2018”.

IMG_5867

A assembleia definiu o dia 15 de dezembro (sábado) como a data para a realização da confraternização. Definiu ainda que o local do evento será a Chácara Flora, no município de Serra.

A proposta de orçamento para festa, no valor de R$ 85 mil, também foi aprovada pela assembleia. Esse valor será dividido em R$ 72 mil reais para serviços de buffet, aluguel do local da festa e banda. Os R$ 13 mil restantes serão utilizados para a compra de brindes que serão sorteados no evento.

Segundo a comissão organizadora da festa, formada pelos servidores Roberto Wallace Viana, Júlio Cesar Bello, Aliomar da Silva, Geraldo Henrique de Oliveira, Enos da Cunha e pelas servidoras Glaucia Maria de Oliveira e Norma Pignaton Recla Lima, a estimativa é que o evento reúna 900 pessoas este ano.

IMG_5830

Em breve serão divulgadas mais informações sobre a festa. Fique ligado!

Enquanto isso, clique aqui e confira imagens da confraternização de 2017 e já vá entrando no clima.

Nos campi

Além da confraternização no dia 15 de dezembro, os/as presentes à assembleia aprovaram a realização de conversas com os servidores e as servidoras nos campi do Ifes. A proposta segue a linha dos coffee breaks realizados pelo Sinasefe Ifes em 2017.

Sindicalizados e não sindicalizados poderão participar. O momento será um espaço de aproximação com a categoria, para realizar debates e levantar questões importantes para os trabalhadores e as trabalhadoras.

IMG_5846

Conjuntura

Durante a assembleia também foi realizada uma análise de conjuntura.

O coordenador geral do Sinasefe Ifes Adenilson Guasti Castro fez a leitura de um texto escrito pelo coordenador de Formação Sindical do Sinasefe Ifes, Carlos Alberto Firmino dos Santos, sobre a atual conjuntura de retrocessos no Brasil.

O texto chamou atenção para a importância do voto nas eleições que acontecerão no mês de outubro. “Devemos ficar atentos às propostas dos candidatos nesta eleição, sabendo-se que boa parte deles darão continuidade às reformas em andamento neste governo. Temos visto poucas propostas efetivas para a melhoria do país, e muitas disputas pelo poder patrocinadas pelo grande capital, pela grande mídia, e por interesses da elite brasileira representada por candidatos indicados por essa elite, inclusive banqueiros. Vices comprometidos com estatizações ou futuras indicações para o ministério da Economia, orientados por programas com vistas ao favorecimento do mercado globalizado”, escreveu o coordenador Carlos. Clique aqui e confira o texto na íntegra.

O coordenador da Regional Norte, Weverton Pereira do Sacramento, também contribuiu com o debate. Ele destacou que o servidor precisa escolher bem os seus representantes, mas que a luta não será fácil. “As forças que controlam o nosso país não vão aceitar de maneira simples o avanço de forças progressistas no Brasil”, alertou.

239 View