16 de outubro de 2012
Por: Haroldo Lima


Entre os dias 19 a 21 de outubro as Seções Sindicais se reunirão com a Direção Nacional para participar do GT de Gênero, Raça, Etnia e Trabalho Infantil do Sinasefe em Brasília-DF. O Sinasefe oportuniza as discussões dos títulos desse GT, que passam ser a devida atenção nos estabelecimentos de educação e precisam ter regulamentação eficiente na defesa das questões.

O evento que trará representantes das 82 bases sindicais a capital federal terá como tema da mesa de abertura “A organização dos setores oprimidos: a opressão racial, machista e homofóbica” no primeiro dia, sexta-feira (19). No período da tarde será iniciada a 1ª Plenária a discutir “O Brasil Negro”, englobando títulos como o mercado de trabalho, as cotas raciais e distinção de raça e etnia prosseguindo com os devidos encaminhamentos.

No sábado (20), a 2ª Plenária envolverá os presentes com a temática “Contra a Homofobia e pela liberdade de escolha”, abordando todas as faces do preconceito pela opção sexual no trabalho e na educação. A 3ª Plenária terá a discussão sobre o título “Mulheres: a luta contra a Opressão e a Exploração”, abordando as questões delicadas como Lei Maria da Penha, a tripla opressão sofrida pela mulher ao lingo dos anos: pelo seu gênero, raça e classe social entre outros na segunda parte do dia.

No domingo (21) e último dia de grupos de trabalho, é a vez do trabalho infantil ser colocado em confronto. A exploração da infância dada pela troca da educação por trabalho envolve a 4ª Plenária, intitulada “Educação: a resposta certa contra o Trabalho Infantil”. Após o intervalo para almoço, a Plenária Final focará em cima das diretrizes aprovadas para o novo PNE, Eixo VI.

Após cada plenária serão feitos os devidos encaminhamentos para que ao final de todo o GT de Gênero, Raça, Etnia e Trabalho Infantil do Sinasefe, haja as aprovações finais do evento.

Fonte: Sinasefe Nacional.

 

270 View