28 de julho de 2017
Por: Comunicação


O Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasef) protocolou junto ao Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) um ofício cobrando a abertura das negociações sobre a pauta da Campanha Salarial 2017

fonasef_mpdg_ifes_dest

Nesta quarta-feira (26/07) o Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasef) protocolou junto ao Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) um ofício cobrando a abertura das negociações sobre a pauta da Campanha Salarial 2017.

A Campanha do funcionalismo federal deste ano foi aberta em fevereiro e protocolou suas reivindicações junto ao MPDG em 09/02. Durante esta nova notificação ao Ministério, o SINASEFE esteve representado pela diretora Cátia Farago e pelo diretor Silvio Rotter, além do membro da base David Lobão (representante da CSP-Conlutas na ocasião).

Ofício

O ofício – nº 01/2017 – além de cobrar a abertura imediata de interlocução negocial com o governo, notifica o MPDG que a não negociação com as entidades classistas dos SPF desobedece a própria Constituição Brasileira e convenções internacionais da qual o país é signatário, consumando crime de responsabilidade por violação da Lei 1.079/1950.
Baixe aqui o documento na íntegra, em formato PDF.

Reunião Ampliada

A ausência de negociação por parte do governo com os servidores já é sentida pelas bases e será pautada na próxima Reunião Ampliada do Fonasef, marcada para os dias 4, 5 e 6 de agosto, em Brasília-DF.
Além da retomada da Campanha Salarial 2017, o Fonasef também debaterá com os servidores que vierem à Reunião Ampliada a conjuntura política e o cenário de ataques aos direitos dos trabalhadores intensificados desde o início do governo Temer.

Fonte: Sinasefe

374 View