17 de junho de 2014
Por: Comunicação


Nesta segunda-feira, em uma clara violação do direito constitucional de Greve, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) julgou a greve do Sinasefe como abusiva. A corte, incitada pelo MEC, levou em conta um acordo assinado com o Proifes, entidade que a própria Justiça não reconhece e não nos representa. O Sinasefe Nacional já apresentou recurso contra a decisão que, na verdade política, demonstra a força de nosso movimento e a fuga do Governo da mesa de negociação. A diretoria do Sinasefe Ifes vai convocar uma Assembleia Geral para que todos os pontos sejam debatidos pela nossa base.

Leia a Carta Aberta da Nacional e o texto da liminar do STJ.

466 View