29 de março de 2012
Por: Haroldo Lima


Ministro de Ciência e Tecnologia diz que País se prepara para construir e lançar um satélite que fará parte do programa de banda larga

O Brasil se prepara para lançar um satélite de comunicação que vai permitir o acesso à banda larga em todos os municípios do País, disse nesta quarta-feira, 28, o ministro de Ciência e Tecnologia, Marco Antônio Raupp, na Índia.

Tanto a construção quanto o lançamento do satélite vão ficar sob responsabilidade da Telebras e da Embraer e foram orçados em R$ 750 milhões — R$ 80 milhões apenas para realizar o lançamento. No próximo mês, o governo deve lançar um edital de licitação internacional para que empresas interessadas possam enviar suas propostas.

O satélite geoestacionário de comunicação vai fazer parte do Plano Nacional de Banda Larga e vai servir outros projetos do governo federal e das Forças Armadas.

Raupp integra a delegação da presidente Dilma Rousseff na cúpula dos Brics realizada nesta quarta e quinta-feira em Nova Délhi, na Índia. Segundo ele, o Brasil quer fazer uma parceria de cooperação técnica com a Índia para o desenvolvimento do satélite.

Brasil, Índia e África do Sul também discutiram a possibilidade de lançar um segundo satélite voltado à observação climática do Atlântico Sul, que vai permitir aos três países fazer medições necessárias para entender “as anomalias do campo magnético terrestre que deixam passar radiações ultravioleta”.

Do Estadão.

363 View