4 de março de 2022
Por: Comunicação


Share This Story !

Com o ultimato, será aberto o prazo de sete dias para que a negociação do Governo Federal com os servidores. Caso contrário, no dia 23 de março será iniciada a Greve Nacional dos Servidores Públicos Federais. Confira!

No próximo dia 16 de março, os servidores públicos federais voltarão às grandes mobilizações contra Bolsonaro e em defesa dos direitos da categoria. Para isso, o Fonasefe está organizando um ultimato ao Governo Federal, com um dia de greve nacional, contando com grande ato em Brasília-DF.

Com o ultimato, será aberto o prazo de sete dias para que a negociação do Governo Federal com os servidores, em relação à pauta de recomposição de 19,99%, protocolada em no dia 18 de janeiro de 2022, seja aberta – até hoje Bolsonaro não se posicionou sobre as reivindicações apresentadas!

Caso contrário, no dia 23 de março teremos o início da Greve Nacional dos Servidores Públicos Federais, com paralisação de todas as atividades do funcionalismo por tempo indeterminado.

Programação em elaboração
O Fonasefe está elaborando uma programação política para acontecer na capital federal no dia 16/03, dando visibilidade à greve nacional dos servidores com ultimato ao governo Bolsonaro.

Assim que a programação for definida pelo fórum (o que deve ocorrer até a semana que vem), informaremos em nossos canais de comunicação (portal, redes sociais e aplicativos de mensagens).

Chamado às seções

O SINASEFE convoca as seções sindicais que puderem vir a Brasília-DF para participar do grande ato de 16/03 a se fazerem presentes.

Todos os sindicalizados que vierem para a atividade devem respeitar protocolos de segurança sanitária para evitar a disseminação da COVID-19, estando em dia com o protocolo de vacinação, mantendo distanciamento social de pelo menos 1,5m, higienizando as mãos com álcool 70% e fazendo o uso de máscaras PFF2, N95 ou KN95 (o sindicato distribuirá esse item para quem não tiver).

Desaconselhamos a vinda de quem teve sintomas nos últimos 14 dias antes da viagem ou teve contato com pessoas contaminadas pela COVID-19.

Posição do SINASEFE

O SINASEFE aprovou na 170ª PLENA o seu estado de greve.

Com isso, nossa entidade estará na construção da mobilização de 16/03, rumo à construção de uma greve por tempo indeterminado. Confira aqui o que foi aprovado no fórum realizado em 19 e 20 de fevereiro.

Antes do ultimato de 16/03, o SINASEFE voltará a se reunir com suas seções sindicais na 171ª PLENA, agendada para 12/03 (convocatória e pauta serão divulgadas em breve).

Calendário

  • 8 de março: Dia Internacional de Luta das Mulheres
  • 9 de março: Lançamento do Comando Nacional de Construção da Greve
  • 12 de março: 171ª Plenária Nacional do SINASEFE
  • 16 de março: Dia Nacional de Greve – ultimato dos servidores ao Governo Federal
  • 23 de março: Indicativo de Deflagração de Greve por Tempo Indeterminado

Fonte: SINASEFE. 

357 View