19 de maio de 2021
Por: Comunicação


Share This Story !

Texto será discutido na reunião do Consup nesta sexta-feira. 21. O Sinasefe Ifes convoca a categoria para participar do encontro e fazer os devidos questionamentos ao instituto, já que as mudanças afetarão a todos/as

O Ifes produziu uma minuta de revisão da Resolução 01/2020 que regulariza as Atividades Pedagógicas Não Presenciais (APNP’s) sem um amplo diálogo com as/os servidoras/es, o que evidencia uma face pouco democrática. A minuta será colocada em pauta na reunião do Conselho Superior (Consup) que acontecerá na sexta-feira, 21. O Sinasefe Ifes convoca a categoria para participar da atividade e fazer os devidos questionamentos ao texto editado pelo Ifes.

A direção do Sinasefe Ifes produziu uma nota em que questiona a minuta e a falta de amplo diálogo com a categoria. As alterações previstas no texto poderão impactar negativamente no processo de ensino-aprendizagem e afetar toda a comunidade acadêmica. Confira abaixo a nota e o posicionamento do sindicato. 

A reunião será transmitida online pelo YouTube do Ifes, às 9 horas (Clique aqui e confira). A minuta com as alterações está disponível no AVA. Clique no link e acesse: https://ava.cefor.ifes.edu.br/course/view.php?id=2278

Nota do Sinasefe Ifes sobre minuta que altera as APNP’s, discutida na reunião do Consup do dia 14/05/2021

O Ifes produziu uma nova minuta de revisão da Resolução 01/2020, que regulamenta as Atividades Pedagógicas Não Presenciais (APNP’s) e, mais uma vez, sem o devido diálogo com a comunidade acadêmica, como tem sido de praxe neste período. No documento, há mudanças significativas que podem impactar negativamente no processo de ensino-aprendizagem.

Dentre as principais alterações, a imposição de uma única plataforma de aprendizagem e a obrigatoriedade de gravação de aulas têm sido as principais insatisfações registradas entre os/as docentes, pelo que foi possível apurar nesse curto espaço de tempo junto à categoria.

O Ifes possui inúmeros fóruns institucionais, de caráter técnico, que foram subutilizados ou mesmo desconsiderados ao longo desse processo. Fóruns ligados ao ensino, aos setores de desenvolvimento de pessoas e de Tecnologia da Informação (TI) que poderiam subsidiar pedagógica e tecnicamente as alterações ora propostas.

Além disso, o Ifes já possui dados suficientes que demonstram os gargalos desse período de pandemia, que, em nosso entendimento, não são tratados pelas alterações apresentadas. Existem hoje segmentos de estudantes da nossa instituição mais prejudicados que outros, por exemplo, e entre as alterações apresentadas não observamos ações que busquem enfrentar esse problema, ou ainda que se direcionem aos problemas mais recorrentes detectados nesse período.

Dada toda essa conjuntura política que vivenciamos na atualidade e um governo que faz a opção política de perseguir servidores/as em plena pandemia, o Sinasefe Ifes reconhece que as APNP’s são o instrumento pelo qual temos preservado nossas vidas, de nossos discentes e de familiares, ao mesmo tempo em que nos resguardamos das inúmeras desqualificações que nos querem atribuir neste momento.

Por fim, a Direção do Sinasefe Ifes reafirma que estamos abertos ao diálogo quanto a todas as mudanças que sejam necessárias ao aperfeiçoamento das APNP’s, buscando adequar sua metodologia, sobretudo aos alunos mais vulneráveis. Contudo, para que essas alterações sejam adequadas, efetivas e representativas, é necessário que a instituição adote meios mais democráticos de debate, que permitam maior interlocução com a comunidade acadêmica e que sejam apresentados dados concretos que orientem tais decisões.

Direção do Sinasefe Ifes

227 View