5 de março de 2021
Por: Comunicação


Share This Story !

Diversas organizações, entidades, sindicatos, entre eles o Sinasefe Ifes, promoverão atos públicos em várias cidades do Estado. Mobilizações começam neste sábado, 6, e vão até 27 de março  

Para o Dia Internacional da Mulher, diversas organizações, entidades e coletivos do Espírito Santo promovem atos públicos e atividades culturais e políticas (remotas e presenciais) em várias cidades do Estado. O Sinasefe Ifes está representado na construção dessas atividades pelas diretoras Alini Altoé e Patrícia Soares Andrade, e o sindicato assina o manifesto 8M.

As mobilizações têm o lema Pela Vida das Mulheres! Fora Bolsonaro e Mourão!, e chamam a atenção para a crescente precarização das condições de vida da população, em especial das brasileiras e para a falta de políticas sociais para as mulheres e toda a população. Em meio a um agravamento da pandemia do Coronavírus, com aumento de contaminações e de mortes, o movimento reivindica dos governos Federal e Estadual uma efetiva política de vacinação para todas as pessoas, de forma segura e gratuita.

A pandemia explicitou sobremaneira as desigualdades sociais e de gênero no Brasil, situação agravada pelo descaso com que o atual governo federal tem tratado a crise sanitária e econômica do país, negando-se a implementar políticas públicas emergenciais no enfrentamento à pobreza e ao desemprego. O movimento também chama a atenção para a necessidade de se garantir o auxílio emergencial para a população – responsabilidade dos governos Estadual e Federal – considerando o aumento da miséria no país, decorrente do aumento de preços dos alimentos, da energia e do gás de cozinha.

Historicamente, as mulheres trabalhadoras sempre tiveram que assumir diversas responsabilidades nas diferentes esferas da vida, através de intensas jornadas de trabalho, seja remunerado (formal ou informalmente), seja não remunerado, dentro e fora de casa, considerando que o trabalho doméstico envolve o cuidado com os filhos e filhas, pessoas idosas e pessoas com deficiência. Segundo o IBGE-2019, as mulheres gastam em torno de 73% de horas a mais que os homens com o cuidado de pessoas e com os afazeres domésticos, sendo que esse percentual aumenta no caso de mulheres negras. Além disso, 63% das casas chefiadas por mulheres negras têm rendimento que as coloca abaixo da linha de pobreza.

As organizadoras também denunciam as diversas violências sofridas pelas mulheres, que se expressam nos altos índices de feminicídio, violência familiar e doméstica, LGBTfobia, assédio moral e sexual, situações vivenciadas por todas as mulheres, sobretudo as negras e periféricas. Com o isolamento social, o “ficar em casa” tornou-se algo ainda mais perigoso para inúmeras crianças, mulheres e população LGBTQIA+.

No Espírito Santo, se compararmos os dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SESP), anos de 2019 e 2020, a violência contra as mulheres teve um aumento significativo, tanto no que tange às mortes violentas como em relação aos registros de Ocorrências da Lei Maria da Penha. Em 2019, foram registradas 91 mortes violentas de mulheres no ES. Já em 2020, foram registradas, até 31 de Dezembro, 102 mortes. Trata-se de um aumento real de 12,08 % de assassinatos de mulheres. Dessas 102 mulheres mortas violentamente em 2020,  34,31% eram pardas, 9,8% brancas, 6,96 pretas e 49,02 não informaram. 

Outro problema regional ressaltado pelas organizadoras é o desmonte do Grupo Condutor da RAPS (Rede de Atenção Psicossocial) da Região Metropolitana, um importante dispositivo para a articulação de ações em Saúde Mental.

São Mateus 

Na região Norte do Estado, em São Mateus, acontecerá uma carreata neste sábado, 6, às 8h30, com concentração no Ponto Maria Amélia (Posto da Águia Branca). O Sinasefe Ifes marcará presença nessa atividade. Serão seguidos os protocolos de segurança sanitária. 

Confira abaixo a programação:

DIA INTERNACIONAL DAS MULHERES NO ESPÍRITO SANTO
PROGRAMAÇÃO – 06 a 27 de Março

*As atividades presenciais seguirão os protocolos de segurança sanitária.
06/03, 8h30 – São Mateus: Carreata
Concentração: Ponto Maria Amélia (Posto da Águia Branca)

06/03, Cachoeiro do Itapemirim: Intervenção Visual através de outdoor e faixas em pontos
estratégicos da cidade com o mote do 8 de Março.

06/03, 08h30- Cachoeiro do Itapemirim: Ato Público Pela Vida das Mulheres: Fora Bolsonaro e Mourão
Local: Praça Jerônimo Monteiro

06/03, 09h – Vitória: Oficina de Batuques e Ensaio do Cancioneiro
Local: UFES Goiabeiras, próximo à cantina do Honofre

06/03, 15 às 17h – Sarau Cultural (Virtual)
Local: Insta do Círculo Palmarino
Homenageada: Penha Rocha

08/03, 15h – Vitória: Ato Público
Local: Concentração em frente à Casa Porto no Centro

08/03, 17h – Alegre: Ato Público
Local: Praça Seis de Janeiro

08/03, 18:30h – Guarapari Ato Público
Local : Praça de Muquiçaba

08/03, 19h – Aracruz: Roda de leitura e debate sobre a luta das mulheres (Virtual)
Plataforma: Google Meet

09/03, 17h – Alegre: Encontro Presencial do Projeto Insubmissas
Tema: Os Direitos das Mulheres
Local: Assentamento Floresta

10/03, 16h – Alegre: Encontro com Amanda Bonadiman
Tema: Ciclo Menstrual: Um aliado na luta contra o patriarcado
Local: Jardim da Prefeitura

11/03, 16h – Alegre: Encontro Presencial do Projeto Insubmissas
Tema: Os Direitos das Mulheres
Local: Querosene

11/03, 20h – Alegre: Encontro do Projeto Insubmissas (Virtual)
Tema: Maternidade Real
Convidadas: Amanda Bonadiman e Raquel Sacramento
Plataforma: Instagram

12/03 18h30 – Vitória: Cine Por Elas
Local: Rua Vitor Finamori n 46, Bairro da Penha

12/03, 19h – Alegre: Encontro Presencial do Projeto Insubmissas
Tema: Os Direitos das Mulheres
Local: Vila Alta

13/03, 9h – Aracruz: Ato por justiça por Marielle e pelo fim da violência política contra as
mulheres
Local: Praça São João Batista.

13/03, 16h – Alegre: Encontro Presencial do Projeto Insubmissas
Tema: Os Direitos das Mulheres
Local: Lagoa Seca

14/03, 15h – Alegre: Ato “Pelo fim dos feminicídios políticos: Justiça por Marielle”
Local: Praça Seis de Janeiro

27/03, 8 às 18h – Curso de Formação Política (virtual)
Tema: Feminismo – Vertentes e Prática Política
Formadora: Lívia de Cassia Godoi Moraes
Organização: Projeto Escola de Estudos Críticos

NAS REDES SOCIAIS:
Instagram:
@8m_espiritosanto
Facebook:
8 de março Unificadas – ES
@8demarcounificadases

Manifesto Pela Vida das Mulheres! Fora Bolsonaro e Mourão!

Clique aqui e confira o manifesto.

333 View